Leilão Concessionária Lambrecht Chevrolet


No dia 28 de setembro de 2013, na Cidade de Pierce, Estado de Nebraska, EUA em uma manhã com chuva é realizado o maior leilão de carros antigos, uma coleção de Ray Lambrech, grande vendedor de carros que durante 50 anos recebia os carros usados como parte de pagamento na venda de modelos novos e guardou em torno de 450 veículos em sua fazenda e cerca de 50 veículos no interior de sua concessionaria, a Lambrecht Chevrolet que fechou no ano de 1996, confira em http://www.mvclic.com.br/2013/07/concessionaria-lambrecht-chevrolet.html.
Um multidão com mais de 10.000 pessoas não ligaram para algumas pancadas de chuvas, estavam eufóricas para o grande leilão, que começou às 09h30min.
Certamente ficará para a história este leilão, tanto pelo fato de vários modelos raros com baixas quilometragens e pelos valores arrecadados, a cada lance a multidão reagia, suspirava praticamente em delírio, pois a Picape Cameo ano 1958 foi arrematada por US $ 140 mil, ainda um Impala 1963 por US $ 97.500, Corvette 1978  US $ 80.000, Apache Picape 1958 por  US $ 80.000, Impala 1964  US $ 75.000, Impala 1965 por US $ 72.500, Apache Picape 1960 por US $ 46.000, Impala 1965 por US $ 45.000, Corvair Monza 1963 por US $ 42.000 outro Corvair Monza1963 por US $ 40.000 e isso tudo seria apenas o começo, e como não delirar com tais lances e arremates.
Praticamente todos esses veiculos que ficaram por anos parados dentro da concessionaria e muitos deles expostos ao tempo não estão em condições operacionais em dia, muito deles faltavam algumas peças resultados de ladrões, até mesmo aos valores arrematados nos lances fica difícil de calcular se realmente é o valor de mercado ou uma satisfação, um prêmio por assim dizer, pois se trata de verdadeiras relíquias.
Um leilão tão grande, um total de 475 veículos vendidos alcançando cerca de US $ 2,5 milhões.
Amigos leitores segue algumas imagens deste fato histórico.
















































































Nenhum comentário:

Postar um comentário